Gerais

Nova rede de fibra ótica facilitará atividades de pesquisa na UERN

Por em 13 de julho de 2017 às 11:01:13

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN), em parceria com outras instituições potiguares de ensino superior, a Rede Nacional de Pesquisa (RNP) e o Governo do Estado, participa do processo de implantação de uma rede de fibra ótica que irá conectar universidades do Estado e o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) à RNP.

Denomidada Giga Mossoró, a rede terá 25 quilômetros de extensão e passará pelo Campus Central da UERN, além de outras unidades acadêmicas localizadas no município, como a Reitoria, a Faculdade de Enfermagem (Faen) e a Faculdade de Ciências da Saúde (Facs). A expectativa é que a implantação da rede tenha início em agosto deste ano e dure entre oito e doze meses.

Também farão parte da rede a Universidade Federal Rural do Semiárido (Ufersa) e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), bem como o IFRN.

Conforme o diretor de Informatização da UERN, professor André Pedro, a Giga Mossoró resultará, inicialmente, numa conexão direta com a RNP, o que tornará mais rápidas e seguras as atividades relacionadas às pesquisas acadêmicas.

A médio e longo prazo, acrescenta, a rede poderá também ser utilizada para diversos projetos que façam uso da nova estrutura. “Essa rede é o primeiro passo para o projeto de cidades inteligentes. Tendo uma rede dessas implementada, todos os outros serviços digitais podem acontecer”, ilustra.

André Pedro cita como exemplos de possíveis serviços a serem implementados a instalação de semáforos inteligentes, que analisam e controlam o tráfego, e câmeras de monitoramento de segurança.

“O que a gente está fazendo é pavimentando essa estrutura digital para Mossoró. Sobre o que vai vir para frente, o céu é o limite e depende do que as universidades vão tratar de expandir”, sintetiza.

A execução do serviço de implantação, que será feita com recursos federais, ficará a cargo do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI) e da RNP, enquanto a manutenção será feita pelas instituições participantes do projeto.

Imprimir
TAGS

DEIXE UM COMENTÁRIO

2 × 1 =