Direito

Comissões da OAB Mossoró verificam dificuldades de funcionamento no CIOSP denunciadas por policiais

Por em 3 de janeiro de 2018 às 13:20:19
 
As comissões de Direitos Humanos e Segurança Pública da OAB Subseção de Mossoró, através dos presidentes Rogério Barroso e Victor Lobato, foram chamadas pela representação dos policiais civis, militares e corpo de bombeiros de Mossoró e Região para verificar a situação de falta de condições de trabalho no CIOSP – Centro Integrado de Operações Policiais de Mossoró.

Os policiais relataram falta de água potável, falta de material de higiene e limpeza, de alimentos e condições gerais de trabalho. Diante dessa falta de condições, os policiais estão sinalizando pela paralisação das atividades do CIOSP em Mossoró, o que deverá aumentar o caos na segurança no município e região.

“Verificamos que essa é uma situação insustentável, onde não há condições mínimas para que os policiais possam trabalhar na unidade”, ressalta o presidente da comissão de Direitos Humanos da OAB Subseção de Mossoró, Rogério Barroso.

As comissões da OAB Mossoró farão um relatório da situação verificada e que será encaminhado ao presidente Canindé Maia para as devidas providências em termos de apelo, apoio ou reivindicação.

A OAB no Rio Grande do Norte e suas subseções estão acompanhando todas as tentativas de negociações entre os servidores estaduais com o Governo do Estado, que por sua vez, não têm apresentado propostas para resolver minimamente esta situação.

Imprimir
TAGS

DEIXE UM COMENTÁRIO

18 − 6 =