Categoria Navegação

Assu


VIEW POST

View more
Assu

Academia Assuense de Letras e Nova Acrópole firmam cooperação para evento da Semana da Arte 2018

Por em 12 de março de 2018 às 09:09:21
 

Uma parceria firmada entre a Academia Assuense de Letras e a Escola Internacional de Filosofia Nova Acrópole, unidade Mossoró, trará a cidade do Assú na próxima quinta-feira, 15, às 19h30, no Cine Teatro Pedro Amorim, uma das células da programação que irá ocorrer no período de 12 a 17 em todo o país, nas cidades em que a Nova Acrópole está presente.

A Nova Acrópole tem como propósito a difusão e promoção de valores humanos por meio de três vias: Filosofia, Cultura e Voluntariado, atualmente, presente em 60 países.

A Semana da Arte da Nova Acrópole de 2018 visa refletir sobre o papel da Arte como uma ponte para o humanismo e cultivo do conhecimento.

E, para isso, realiza em Assú uma programação repleta de Filosofia e Cultura, com a palestra magna "Viver com arte - A beleza como expressão da vida", proferida pelo professor Ádison Mitre, e um sarau poético com membros da Academia Assuense de Letras e a participação especial do poeta Antonio Francisco.

O acesso ao evento é gratuito e foi elaborado pensando em unir debate e as diversas formas de expressão filosófica e artística.



VIEW POST

View more
Assu

Sessão Solene nesta sexta-feira, 23, marca terceiro ano da Academia Assuense de Letras

Por em 20 de fevereiro de 2018 às 09:08:01

Uma Sessão Solene na Câmara Municipal do Assú proposta pelo mandato da vereadora Delkiza Cavalcante, homenageará o terceiro ano de fundação da Academia Assuense de Letras, na próxima sexta-feira, 23, às 19h30.

Fundada em 23/01/2015, a Academia Assuense de Letras tem por finalidade o cultivo, a preservação e a divulgação do vernáculo, da literatura, da história e da atividade cultural em seus múltiplos aspectos e, vem desenvolvendo nesse período um trabalho em torno de ações e projetos que resgata e valoriza a identidade cultural do Assú.

Para a vereadora Delkiza, a proposta vem reconhecer o trabalho profícuo de uma instituição que demonstra em tão pouco tempo de vida uma grandiosidade na difusão e no desenvolvimento cultural do município.

Durante a cerimônia serão condecorados os 14 membros que atualmente forma o quadro da Academia. Os acadêmicos são: Antonio Alderi Dantas (jornalista e escritor – Cadeira 1); Auricéia Antunes de Lima (jornalista e escritora – Cadeira 2); Francisco de Assis Medeiros (advogado e poeta – Cadeira 3); Francisco José Costa dos Santos (professor e escritor – Cadeira 4); Ivan Pinheiro Bezerra (historiador e escritor – Cadeira 5); Fernando Antonio Caldas (pesquisador e escritor – Cadeira 6); Fernando Antonio de Sá Leitão Morais (engenheiro e poeta – Cadeira 7); Paulo de Macedo Caldas Neto (professor e escritor – Cadeira 8); Francisco das Chagas Pinheiro (odontólogo e cronista – Cadeira 9); Alan Eugênio Dantas Freire (professor, músico e poeta – Cadeira 10); Francisco Jobielson da Silva (professor e ator – Cadeira 11); Francisco Wagner de Oliveira (artista plástico – Cadeira 12); Paulo Sérgio de Sá Leitão (professor e poeta – Cadeira 13); e Joacir Rufino de Aquino (professor e escritor – Cadeira 14).

Segundo Francisco José Costa dos Santos, acadêmico e presidente da instituição, o momento fortalece a Academia Assuense de Letras. A proposta dá mais força na concretização dos objetivos da instituição e, por fim, compreende o momento como histórico e sente-se honrado em nome da Academia com a distinta proposição apresenta pela edil no plenário da Câmara Municipal do Assú.



VIEW POST

View more
Assu

Sessão Solene marca terceiro ano da Academia Assuense de Letras

Por em 23 de janeiro de 2018 às 08:27:53

Uma Sessão Solene na Câmara Municipal do Assú proposta pelo mandato da vereadora Delkiza Cavalcante, homenageia nesta terça-feira, 23, às 19h, o terceiro ano de fundação da Academia Assuense de Letras.

Fundada em 23/01/2015, a Academia Assuense de Letras tem por finalidade o cultivo, a preservação e a divulgação do vernáculo, da literatura, da história e da atividade cultural em seus múltiplos aspectos e, vem desenvolvendo nesse período um trabalho em torno de ações e projetos que resgata e valoriza a identidade cultural do Assú.

Para a vereadora Delkiza, a proposta vem reconhecer o trabalho profícuo de uma instituição que demonstra em tão pouco tempo de vida uma grandiosidade na difusão e no desenvolvimento cultural.

Segundo Francisco José Costa dos Santos, acadêmico e presidente da instituição, o momento fortalece a Academia Assuense de Letras.

A proposta dá mais força na concretização dos objetivos da instituição e, por fim, compreende o momento como histórico e sente-se honrado em nome da Academnia com a distinta proposição apresenta pela edil.

Durante a cerimônia serão condecorados os 14 acadêmicos que atualmente forma o quadro da Academia e, ainda, contará com música e exposição de artes plásticas.

Os acadêmicos são: Antonio Alderi Dantas (jornalista e escritor – Cadeira 1); Auricéia Antunes de Lima (jornalista e escritora – Cadeira 2); Francisco de Assis Medeiros (advogado e poeta – Cadeira 3); Francisco José Costa dos Santos (professor e escritor – Cadeira 4); Ivan Pinheiro Bezerra (historiador e escritor – Cadeira 5); Fernando Antonio Caldas (pesquisador e escritor – Cadeira 6); Fernando Antonio de Sá Leitão Morais (engenheiro e poeta – Cadeira 7); Paulo de Macedo Caldas Neto (professor e escritor – Cadeira 8); Francisco das Chagas Pinheiro (odontólogo e cronista – Cadeira 9); Alan Eugênio Dantas Freire (professor, músico e poeta – Cadeira 10); Francisco Jobielson da Silva (professor e ator – Cadeira 11); Francisco Wagner de Oliveira (artista plástico – Cadeira 12); Paulo Sérgio de Sá Leitão (professor e poeta – Cadeira 13); e Joacir Rufino de Aquino (professor e escritor – Cadeira 14).

Proposição

Os requerimentos propondo sessões solenes com fins específicos são permitidos de acordo com o Capítulo IV – Das Sessões Solenes, artigo 101 do Regimento Interno da Câmara Municipal do Assú, desde que sejam também aprovados em plenário pela maioria dos parlamentares.

Neste caso, a vereadora Delkiza Cavalcante (PSDC) foi a proponente da referida sessão e obteve aprovação unânime em plenário para a sua realização.