Categoria Navegação

Estado


VIEW POST

View more
Estado

Força Nacional envia aeronave para apoiar operações em Natal

Por em 16 de Março de 2017 às 17:44:28
Aeronave da Força Nacional 3

A Força Nacional de Segurança Pública (FNSP) enviou para Natal, no último dia (14), um helicóptero para apoiar as operações realizadas na capital potiguar e que fazem parte do Plano Nacional de Segurança Pública.

A será utilizada de acordo com a necessidade das forças de segurança estaduais, que estão atuando em parceria com os 120 integrantes da FNSP que estão na cidade desde o dia 15 de fevereiro – parte do efetivo chegou nos últimos dias. Para as ações com o helicóptero, o Ministério da Justiça enviou uma equipe do Grupamento Aéreo da Força Nacional.

A FNSP tem atuado na ostensividade nas ruas e operações com barreiras itinerantes, apoiando também a Polícia Militar local. As ações ainda contemplam patrulhamento nas áreas bancárias e no combate a redução dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs).

O apoio às investigações de CVLIs, inclusive, também já começou, com o levantamento de dados e planejamento estratégico para investigação de homicídios, realizado em apoio à polícia civil potiguar.

Essas equipes da Força Nacional – são 23 da polícia judiciária e 6 peritos - já estão, respectivamente, estudando inquéritos e confeccionando laudos.



VIEW POST

View more
Estado

Municípios do Alto Oeste começam a receber repelentes contra o mosquito Aedes aegypti

Por em 16 de Março de 2017 às 09:52:02

DSC05612

A VI Unidade Regional de Saúde Pública (URSAP), com sede em Pau dos Ferros, já está fazendo a distribuição de repelentes aos 37 municípios do Alto Oeste que, por sua vez, farão a dispensação às suas gestantes beneficiárias do programa Bolsa Família para proteção individual contra o mosquito Aedes aegypti, conforme orientação contida na Nota Técnica nº. 13/2017, publicada pelo Ministério da Saúde.

Segundo Lígia Nunes, técnica responsável pelo programa de Saúde da Mulher na VI Ursap, cada gestante receberá dois frascos por mês durante um ano, com reserva técnica de noventa dias, totalizando 15 meses.

Lígia também ressaltou que os municípios têm autonomia para definir o fluxo de distribuição, que deverá ser acordado entre as Secretarias de Saúde e Assistência Social, e que a dispensação deverá ser registrada.

“É importante que haja sintonia entre as Secretarias, tendo em vista que se faz necessário o controle e registro da distribuição dos repelentes”, declarou Lígia.

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) esclarece que o Ministério da Saúde deve destinar um total de 345.180 frascos ao Rio Grande do Norte. Esse quantitativo será dividido em sete parcelas até o mês de outubro. A 1ª cota, com um total de 21.570 frascos, começou a ser distribuída neste mês de março. A ação é uma parceria do Ministério da Saúde com o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário.

O Ministério da Saúde recomenda o uso de repelentes para reforçar a proteção contra o mosquito Aedes aegypti, em especial às gestantes, pela associação do zika vírus com a microcefalia em bebês. A medida, no entanto, não deve ser a única maneira de evitar a transmissão da doença.

É importante que as gestantes adotem ainda medidas simples que possam evitar o contato com o Aedes, como se proteger da exposição de mosquitos, manter portas e janelas fechadas ou teladas, usar calça e camisa de manga comprida.

Além disso, também é necessário estabelecer uma rotina para eliminar recipientes que possam acumular água parada. Quinze minutos de vistoria são suficientes para manter o ambiente limpo. Pratinhos com vasos de planta, lixeiras, baldes, ralos, calhas, garrafas, pneus e até brinquedos podem ser os vilões e servir de criadouros para as larvas do mosquito.



VIEW POST

View more
Estado

Gustavo Fernandes cobra mais segurança para o Oeste potiguar

Por em 15 de Março de 2017 às 17:13:05

O deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB) cobrou, durante a sessão plenária desta quarta-feira (15), mais segurança para os municípios do Oeste potiguar, mas em especial ao município de Apodi.

O parlamentar lembrou que a cada dia aumentam os registros de violência me todo o Estado e lembrou que na semana passada Apodi foi alvo de uma ação criminosa por parte de vândalos que tentaram atear fogo na sede da Prefeitura. Ele também pontuou que é crescente o número de homicídios e assaltos na região.

"Os blogs da região não param de noticiar casos de crimes. É um absurdo. É homicídio, é onda de assalto, é ataque a Prefeitura, é tudo. Apodi está sofrendo muito com o problema da falta de segurança. Vale destacar que esse problema afeta todo o estado", destacou.