Categoria Navegação

Gerais


VIEW POST

View more
Gerais

Postagens pagas nas redes sociais serão permitidas na campanha eleitoral deste ano

Por em 9 de Janeiro de 2018 às 08:03:50

Aprovada pelo Congresso em outubro do ano passado, a reforma política  (Lei 13.488/17) traz poucas mudanças relacionadas ao uso da internet e de redes sociais para as eleições de 2018. A principal delas é a permissão para que candidatos, partidos e coligações paguem as redes sociais para impulsionar seus conteúdos.

Pela lei (originada no PL 8612/17),  entre as formas de impulsionamento de conteúdo, inclui-se também a priorização paga de conteúdos em mecanismos de buscas na internet, como Google e Yahoo. O impulsionamento de conteúdos deverá ser contratado diretamente com o provedor da aplicação de internet com sede e foro no País.

Porém, no dia da eleição, a publicação de novos conteúdos ou o impulsionamento de conteúdos já publicados serão proibidos e considerados crime, permitindo-se apenas manter aquelas postagens já publicadas.

Os gastos com o impulsionamento de conteúdos terão de ser declarados na prestação de contas das campanhas, assim como já devem ser declarados custos com a criação de sítios na internet – o que já era permitido pela legislação. Outras formas de propaganda eleitoral paga na internet, como em portais e sites de empresas, permanecem proibidas.

Conforme a lei, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai regulamentar os novos dispositivos e promoverá a ampla divulgação de regras de boas práticas relativas a campanhas eleitorais na internet.

(Com informações da Agência Câmara Notícias).



VIEW POST

View more
Gerais

A importância do planejamento e o uso da tecnologia em uma Cirurgia Plástica Facial

Por em 4 de Janeiro de 2018 às 08:40:07
 

Existem inúmeras razões pelas quais as pessoas optam por fazer uma cirurgia plástica. Seja para corrigir uma imperfeição física, melhorar a aparência, ou até mesmo o humor. A medicina tem acompanhado estas necessidades e evoluído para atender o público neste sentido.

Independentemente do motivo, o paciente deve buscar informações sobre a sua cirurgia logo na consulta inicial, e ter ciência que, atualmente, existem ferramentas tecnológicas que auxiliam no entendimento do procedimento cirúrgico e mostram com precisão o resultado a ser obtido.

A alta tecnologia utilizada pelos cirurgiões plásticos faciais, que têm acesso e uso a softwares de imagem digital, ajuda os pacientes a comunicarem seus desejos de forma mais eficaz. O professor da UFRN, médico especialista em cirurgia estética facial e otorrinolaringologista José Cabral, que atende em Natal, usa software de imagem digital em consultas para mostrar os resultados da cirurgia mesmo antes de realizá-la.

“Eu coloco uma ênfase na imagem como uma ferramenta de comunicação e assim transmitir a segurança ao paciente em relação ao procedimento, e dessa maneira posso ter certeza de que estou mostrando ao paciente aquilo que serei capaz de alcançar”, explica.

O médico reitera ainda que usa imagens para um número de procedimentos e é “particularmente útil em procedimentos que mudam o contorno ósseo tais como rinoplastias, otoplastias, frontoplastia, blefaroplastia entre outras cirurgias, bem como implantes faciais,” diz o Dr. José Cabral.



VIEW POST

View more
Gerais

UERN e IEL se reúnem para discutir expansão do estágio curricular

Por em 22 de dezembro de 2017 às 07:02:10

O Pró-Reitor de Recursos Humanos e Assuntos Estudantis (PRORHAE), David de Medeiros Leite, e o Diretor de Assistência Estudantil (DAE), Erison Natecio, se reuniram com representantes do Instituto Evaldo Lodi (IEL) na manhã desta quarta-feira, 20.

No encontro, foram discutidas estratégias de expansão do estágio curricular supervisionado não-obrigatório para discentes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN).

Durante a reunião, foram discutidas parcerias, a fim de possibilitar a abertura de novos campos de estágio, bem como a realização de seminários de conscientização e divulgação de importância do estágio.

Foram debatidos ainda, mecanismos de fiscalização para garantia do estágio como momento de aprendizado.

Para o diretor da DAE, Erison Natecio, a reunião foi muito exitosa, ao passo que novas possibilidades se criam em um contexto de ampliação de parcerias: “Considero essa reunião como um passo inicial na busca pela expansão da política de estágio curricular não-obrigatório em nossa universidade, assim como preconiza o PDI (Plano de Desenvolvimento Institucional). Nas próximas semanas, iremos buscar diálogos com outros parceiros visando expandir ainda mais os campos de estágio e as perspectivas de crescimento para o setor”.

Além do Pró-Reitor de Recursos Humanos e Assuntos Estudantis, e o diretor da DAE, participaram do encontro a chefe do Setor de Estágios e Convênios, Clézia Barreto, o gerente regional do Serviço Social da Indústria (SESI), Denilson Santana, e as representantes do IEL, Camila Lima de Carvalho e Lucas Paiva.