Categoria Navegação

Política


VIEW POST

View more
Política

Presidente da AL determina ações emergenciais contra microcefalia

Por em 1 de dezembro de 2015 às 17:02:52

Preocupado com o grande número de casos de microcefalia no Rio Grande do Note nos últimos três meses, 79 até o momento, o presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB), determinou ações do Legislativo com o intuito de combater o mosquito Aedes Aegypt, principal vetor de doenças que estão relacionadas ao problema.

Em reunião com o secretário estadual de Saúde, Ricardo Lagreca, e com o deputado Galeno Torquato (PSD), na manhã desta terça-feira (1), o presidente anunciou o apoio da Casa na luta contra a doença.

“O assunto é extremamente importante e merece a atenção de toda a sociedade. Por isso, a Assembleia irá realizar uma campanha educativa junto aos veículos de comunicação de massa para conscientizar a população da importância de se combater o mosquito. Os nossos servidores também receberão orientação de como evitar a proliferação do Aedes Aegypt”, afirmou o presidente.

O secretário de Saúde, Ricardo Lagreca, afirmou que o Governo do Estado está convocando os poderes, a sociedade civil organizada, a igreja e toda a população para participarem da luta contra a microcefalia.

“A situação é grave e é preciso pensar na prevenção. A maioria dos casos de proliferação do mosquito vetor das doenças como Dengue, Zika vírus e Chikungunya acontece no ambiente doméstico. Essa é uma luta de todos nós”, explicou o gestor.

Presente na reunião, o deputado Galeno Torquato (PSD) sugeriu que o Governo faça um encontro entre todos os prefeitos do Rio Grande do Norte para explicar a gravidade do problema e pedir o engajamento nessa luta.  Na ocasião, os deputados ainda falaram sobre a real possibilidade das emendas parlamentares serem direcionadas para o custeio de hospitais públicos do Rio Grande do Norte.

Hospital de Currais Novos

O presidente da Assembleia, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB), solicitou o engajamento da secretaria em resolver os problemas de abastecimento do Hospital Doutor Mariano Coelho, em Currais Novos. O secretário garantiu que o funcionamento será normalizado, após medidas tomadas pela Secretaria.



VIEW POST

View more
Política

Semana Nacional “Justiça pela Paz em Casa” tem apoio da Assembleia

Por em 1 de dezembro de 2015 às 13:39:07

As principais entidades que trabalham na Defesa da Mulher participaram, na Assembleia Legislativa, na manhã desta terça-feira (1), da coletiva de lançamento da Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa, ação do Tribunal de Justiça do RN (TJRN), em parceria com o Supremo Tribunal Federal (STF) e apoio da Assembleia Legislativa, por meio do mandato da deputada Cristiane Dantas (PCdoB).

Esta já é a terceira edição do evento em 2015, que aconteceu em março, por ocasião do Dia Internacional da Mulher e no mês agosto. Nesta edição, o tema é “Amor Sim, Violência Nunca”.

“O Rio Grande do Norte é o quinto Estado brasileiro nos índices de violência contra a mulher e isso é muito preocupante, temos que nos unir para reverter este quadro”, afirmou a deputada Cristiane Dantas (PCdoB).

A parlamentar é autora do projeto de lei que cria no âmbito do Rio Grande do Norte a Patrulha Maria da Penha, que está em tramitação nas comissões temáticas da Casa e do Mês de Proteção à Mulher, que destina o mês de agosto para esta finalidade, quando se comemora a instituição da Lei Maria da Penha.

O primeiro projeto propõe que deverão ser patrulhados, pela Polícia Militar, as residências e locais de trabalho das mulheres que tenham medidas protetivas expedidas pela justiça, por serem vítimas da violência de gênero.

Atualmente, segundo o Tribunal de Justiça, quase 13 mil processos tramitam no Judiciário Estadual envolvendo casos de violência contra a mulher. A semana objetiva destacar esse problema e conscientizar homens e mulheres sobre a questão.

O combate à violência contra a mulher significa também o combate às práticas enraizadas na população brasileira. Pesquisa realizada em 2014 pelos institutos Data Popular e Patrícia Galvão revelou que 70% das mulheres vítimas de violência são agredidas nas próprias residências e, em geral, por seus parceiros.

A juíza Fátima Soares, da Coordenadoria de Combate à Violência contra a mulher, do Tribunal da Justiça, apresentou as ações que serão realizadas ao longo da semana e afirmou que combater a violência implica numa mudança cultural e a união de todos os segmentos.

“Não é somente dar celeridade à questão processual, mas é preciso uma mudança de mentalidade, onde cada um tem que fazer a sua parte. Essa questão é mundial e às vezes, por questões ínfimas e torpes, a mulher esbarra em sua própria morte”, disse a juíza.

As principais entidades de Defesa da Mulher prestigiaram o evento. Entre elas a Defensora Pública Ana Lúcia Raymundo; a coordenadora da Defesa da Mulher e das Minorias (CODIMM) Erlândia Passos; a delegada Sheila Freitas; advogada Joana Darc Lopes, da Associação Brasileira das Mulheres de Carreira Jurídica (ABMCJ) e Vera Lúcia Raposo Fonseca, adjunta da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SEMUL).

Também presente o representante da Destaque Promoções, Canindé Alves. O Carnatal deste ano está apoiando a campanha contra violência doméstica e familiar. O coral da Assembleia fez uma apresentação especial na abertura do evento.

Com informações ALRN



VIEW POST

View more
Política

Lideranças do Alto Oeste reivindicam ações para incrementar turismo

Por em 30 de novembro de 2015 às 16:01:33

A região Oeste quer mais visibilidade e aumentar a geração de emprego e renda para a população através do turismo sustentável, aproveitando o potencial de seus municípios.

Esta reivindicação foi externada por prefeitos e vereadores da região na audiência pública realizada na manhã desta segunda-feira (30), na Assembleia Legislativa, uma iniciativa do deputado Carlos Augusto Maia (PTdoB).

“Vivemos um dos piores períodos de estiagem e temos procurado trabalhar soluções efetivas na assistência aos produtores rurais e às populações que sofrem com a falta de água. Mas há outra frente em que devemos trabalhar também com todo afinco, numa missão igualmente imposta pela realidade da seca, que é a busca por alternativas econômicas para o sertão, a fim de que possamos valorizar mais nossas riquezas e gerar emprego e renda e o turismo pode ser esse caminho”, afirmou Carlos Augusto.

Na audiência pública foi apresentado o projeto Circuito das Serras, iniciativa do professor Gilton Sampaio, que reúne empresários, comerciantes e pessoas dos mais diversos setores, que estão voluntariamente trabalhando para expandir o turismo no interior, principalmente na região serrana.

O projeto já tem várias ações e se materializará em forma de livro, a ser lançado em breve, com ampla cobertura fotográfica e descrição de todos os atrativos, contemplando as potencialidades dos municípios.

Será um verdadeiro tratado dos potenciais turísticos em todas as suas vertentes: turismo religioso, de aventuras, cultural, ecológico, entre outros. Além do propositor, o debate contou com a presença da bancada de deputados que representam a região: Galeno Torquato (PSD), Getúlio Rêgo (DEM), Gustavo Fernandes (PMDB) e Raimundo Fernandes (PROS). Ricardo Motta (PROS) também participou da audiência.

Foram vários os encaminhamentos do debate. A primeira sugestão, dos deputados Getúlio Rêgo e Raimundo Fernandes, é uma audiência para breve, reunindo prefeitos e deputados com o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB).

Os prefeitos também querem mais investimentos na melhoria das estradas e da segurança. Foram citadas especificamente as estradas de Venha Ver e Luís Gomes. Outra cobrança é que o Governo do Estado, através da Fundação José Augusto (FJA), elabore um guia turístico de boa qualidade em parceria com a equipe do Circuito das Serras.

Com informações da ALRN