Estado

Agroindústria de polpa de frutas beneficia famílias na zona rural de Janduís

Por em 5 de fevereiro de 2018 às 10:06:01

A agricultora Silvana Monteiro, 33, nem acredita quando entra na sede da agroindústria de polpa de frutas localizada em frente à sua casa na comunidade de Poço da Forquilha, município de Janduís.

“Ainda parece um sonho”, diz, sem disfarçar o brilho nos olhos. Produtora de polpa há alguns anos, Silvana é presidente da Associação Comunitária do Poço da Forquilha, que conseguiu em edital do Governo do RN a construção de uma unidade de beneficiamento de frutas que vai transformar a vida das famílias da comunidade.

Por meio do projeto Governo Cidadão, Sethas e Banco Mundial, 27 famílias passarão a produzir cinco mil quilos de polpas de frutas por mês e chegar a mercados nunca antes pensados. A agroindústria está pronta, aguardando apenas a chegada dos equipamentos.

“Essa unidade vai melhorar a vida de todas nós. Vai ser nossa renda, nosso trabalho”, completa Silvana. Atualmente elas utilizam outra estrutura para produzir em torno de dois mil quilos de polpas por mês.

O diferencial das mulheres de Poço da Forquilha é que elas produzem as próprias frutas, entre elas acerola, goiaba, caju, tamarindo, cajarana, entre outras. Atualmente fornecem o produto para programas governamentais como o PAA e PNAE, em parceria com a Cooperuba, localizada em Caraúbas.

“Temos esse sonho de nossa polpa chegar até Natal e não tínhamos estrutura para isso. Agora temos tudo pronto, vamos conseguir as certificações necessárias e comercializar para todos os supermercados da região”, comemora a agricultora. Os investimentos do Governo do RN somam R$ 249 mil.

Para o secretário de Trabalho e Assistência Social e coordenador do projeto Governo Cidadão, Vagner Araújo, o projeto vai fomentar a economia de Janduís, além de levar renda e dignidade aos moradores da zona rural. “É uma pequena indústria, mas que vai transformar a vida dessas pessoas e proporcionar a elas uma renda garantida todo mês”, destaca.

Foto: João Vital

Imprimir
TAGS

DEIXE UM COMENTÁRIO

quatro × três =