Categoria Navegação

Angicos


VIEW POST

View more
Angicos

Quem estiver em áreas de risco deixem suas casas!!!

Por em 24 de abril de 2019 às 14:15:00
Açude São Miguel II, em Fernando Pedroza, corre risco de rompimento — Foto: AG Drone

Foto: Açude São Miguel II, em Fernando Pedroza, corre risco de rompimento — Foto: AG Drone

  Engenheiros resolvem fazer um funil no açude São Miguel II para liberar 8% do volume da água

A pedido de minha irmã Aldinha Gomes, irei fazer uma matéria sobre os riscos em relação ao que vem ocorrendo com as cheias dos açudes em São Miguel, Fernando Pedroza e Angicos e o que pode vir a ocorrer.

Relato a seguir não uma opinião minha, mas fundamentada por engenheiros, pessoas que estudaram e entendem do assunto.

Estão no açude denominado de São Miguel II, vários engenheiros, dentre eles, do Dnocs, do Estado, da Defesa Civil, e nesta quarta-feira, 24, resolveram abrir um funil para escoar 8% do volume da água do açude, isso para tentar evitar rompimento e, mesmo se assim ainda vier a romper, não cause tantos estragos.

Pois bem. Essa água, ou seja, os 8% do volume total do açude São Miguel 2, que será liberada, ela segue o seguinte caminho: São Joaquim (em Fernando Pedroza), Açude do Rio, localizado no bairro Monsenhor Pinto, (em Angicos), que por sua vez joga para o açude na comunidade de Pataxó, em Ipanguaçu.

Vale ressaltar, que apenas com a liberação de 8% do volume de água do Açude São Miguel II, quem reside nas áreas que foram consideradas de risco pela Defesa Civil, se estiverem em suas residências, DEIXEM, SAIAM, essa é a recomendação desde o início.

Portanto, não TEIMEM, evitem, porque 8% da água do Açude São Miguel II já está sendo liberado, e saibam que o seu volume é duas vezes maior que o volume existente no Açude do Rio, em Angicos.

Não é questão de assustar ou amedrontar, isso é uma realidade, e quem tiver um mínimo de noção, não ficará nas áreas de risco.

A situação que se encontra, ao perceber uma forte chuva, deve-se deixar essas áreas urgentemente.

Não brinquem com o tempo, com a força das águas e muito menos com sua vida.



VIEW POST

View more
Angicos

Rompimento de cano da adutora Sertão Central Cabugi

Por em 4 de abril de 2019 às 14:57:00

Recebi de Jakson Romão, que trabalha com vistoria de fibra ótica, uma foto e um vídeo, em que ele descobriu a existência de um rompimento de um cano da Adutora Sertão Central Cabugi.

Chamamos a atenção a Caern, que deve consertar o problema, que o local do rompimento é na ponte do Riacho da Bisca, sentido Assu-Angicos, mais precisamente no final da ponte.

Nota do Blog: Agradecemos ao leitor Jakson Romão pelo envio da foto e do vídeo, bem como, a preocupação para que o rompimento seja consertado.


VIEW POST

View more
Angicos

Ezequiel solicita dessalinizadores e Vila Cidadã para Angicos, na região Central

Por em 15 de fevereiro de 2019 às 07:15:33
 

Sempre preocupado em atender as solicitações que são encaminhadas ao seu gabinete parlamentar, o deputado e presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira (PSDB) protocolou requerimento solicitando do presidente da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (CAERN), Sérgio Roberto Linhares a instalação de dois dessalinizadores no município de Angicos, na região Central do Estado.

“É de extrema importância que sejam adquiridos dois dessalinizadores pelo Programa Água Doce (PAC), uma ação do Governo Federal, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente em parceria com instituições federais, estaduais, municipais e sociedade civil, para instalação em Angicos. Esses equipamentos vão proporcionar um aumento na oferta de água de boa qualidade para o consumo humano”, justifica o deputado Ezequiel.

A dessalinização é uma das alternativas utilizadas para resolver o problema da falta de água potável para o consumo humano, notadamente nas regiões áridas. A técnica consiste no uso métodos físico-químicos para a retirada do sal presente na água, aumentando a sua oferta, uma vez que o desperdício e a poluição estão diminuindo a água de qualidade, indispensáveis para a vida humana e para o desenvolvimento da sociedade.

A solicitação é para que os equipamentos sejam instalados na zona Urbana, no açude José Teodoro, no Centro, beneficiando grande parte da população daquela área, e no rio Velho, na zona Rural beneficiando em torno de 70 famílias.

Ainda para Angicos, o deputado Ezequiel requereu a inclusão do município na relação do contemplados com o Projeto Vila Cidadã, uma ação do Governo do Estado coordenado pela Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social. O Projeto leva os serviços do Governo até à população mais carente e proporciona um dia de lazer para as crianças.