Categoria Navegação

Assu


VIEW POST

View more
Assu

Sessão Solene nesta sexta-feira, 23, marca terceiro ano da Academia Assuense de Letras

Por em 20 de Fevereiro de 2018 às 09:08:01

Uma Sessão Solene na Câmara Municipal do Assú proposta pelo mandato da vereadora Delkiza Cavalcante, homenageará o terceiro ano de fundação da Academia Assuense de Letras, na próxima sexta-feira, 23, às 19h30.

Fundada em 23/01/2015, a Academia Assuense de Letras tem por finalidade o cultivo, a preservação e a divulgação do vernáculo, da literatura, da história e da atividade cultural em seus múltiplos aspectos e, vem desenvolvendo nesse período um trabalho em torno de ações e projetos que resgata e valoriza a identidade cultural do Assú.

Para a vereadora Delkiza, a proposta vem reconhecer o trabalho profícuo de uma instituição que demonstra em tão pouco tempo de vida uma grandiosidade na difusão e no desenvolvimento cultural do município.

Durante a cerimônia serão condecorados os 14 membros que atualmente forma o quadro da Academia. Os acadêmicos são: Antonio Alderi Dantas (jornalista e escritor – Cadeira 1); Auricéia Antunes de Lima (jornalista e escritora – Cadeira 2); Francisco de Assis Medeiros (advogado e poeta – Cadeira 3); Francisco José Costa dos Santos (professor e escritor – Cadeira 4); Ivan Pinheiro Bezerra (historiador e escritor – Cadeira 5); Fernando Antonio Caldas (pesquisador e escritor – Cadeira 6); Fernando Antonio de Sá Leitão Morais (engenheiro e poeta – Cadeira 7); Paulo de Macedo Caldas Neto (professor e escritor – Cadeira 8); Francisco das Chagas Pinheiro (odontólogo e cronista – Cadeira 9); Alan Eugênio Dantas Freire (professor, músico e poeta – Cadeira 10); Francisco Jobielson da Silva (professor e ator – Cadeira 11); Francisco Wagner de Oliveira (artista plástico – Cadeira 12); Paulo Sérgio de Sá Leitão (professor e poeta – Cadeira 13); e Joacir Rufino de Aquino (professor e escritor – Cadeira 14).

Segundo Francisco José Costa dos Santos, acadêmico e presidente da instituição, o momento fortalece a Academia Assuense de Letras. A proposta dá mais força na concretização dos objetivos da instituição e, por fim, compreende o momento como histórico e sente-se honrado em nome da Academia com a distinta proposição apresenta pela edil no plenário da Câmara Municipal do Assú.



VIEW POST

View more
Assu

Sessão Solene marca terceiro ano da Academia Assuense de Letras

Por em 23 de Janeiro de 2018 às 08:27:53

Uma Sessão Solene na Câmara Municipal do Assú proposta pelo mandato da vereadora Delkiza Cavalcante, homenageia nesta terça-feira, 23, às 19h, o terceiro ano de fundação da Academia Assuense de Letras.

Fundada em 23/01/2015, a Academia Assuense de Letras tem por finalidade o cultivo, a preservação e a divulgação do vernáculo, da literatura, da história e da atividade cultural em seus múltiplos aspectos e, vem desenvolvendo nesse período um trabalho em torno de ações e projetos que resgata e valoriza a identidade cultural do Assú.

Para a vereadora Delkiza, a proposta vem reconhecer o trabalho profícuo de uma instituição que demonstra em tão pouco tempo de vida uma grandiosidade na difusão e no desenvolvimento cultural.

Segundo Francisco José Costa dos Santos, acadêmico e presidente da instituição, o momento fortalece a Academia Assuense de Letras.

A proposta dá mais força na concretização dos objetivos da instituição e, por fim, compreende o momento como histórico e sente-se honrado em nome da Academnia com a distinta proposição apresenta pela edil.

Durante a cerimônia serão condecorados os 14 acadêmicos que atualmente forma o quadro da Academia e, ainda, contará com música e exposição de artes plásticas.

Os acadêmicos são: Antonio Alderi Dantas (jornalista e escritor – Cadeira 1); Auricéia Antunes de Lima (jornalista e escritora – Cadeira 2); Francisco de Assis Medeiros (advogado e poeta – Cadeira 3); Francisco José Costa dos Santos (professor e escritor – Cadeira 4); Ivan Pinheiro Bezerra (historiador e escritor – Cadeira 5); Fernando Antonio Caldas (pesquisador e escritor – Cadeira 6); Fernando Antonio de Sá Leitão Morais (engenheiro e poeta – Cadeira 7); Paulo de Macedo Caldas Neto (professor e escritor – Cadeira 8); Francisco das Chagas Pinheiro (odontólogo e cronista – Cadeira 9); Alan Eugênio Dantas Freire (professor, músico e poeta – Cadeira 10); Francisco Jobielson da Silva (professor e ator – Cadeira 11); Francisco Wagner de Oliveira (artista plástico – Cadeira 12); Paulo Sérgio de Sá Leitão (professor e poeta – Cadeira 13); e Joacir Rufino de Aquino (professor e escritor – Cadeira 14).

Proposição

Os requerimentos propondo sessões solenes com fins específicos são permitidos de acordo com o Capítulo IV – Das Sessões Solenes, artigo 101 do Regimento Interno da Câmara Municipal do Assú, desde que sejam também aprovados em plenário pela maioria dos parlamentares.

Neste caso, a vereadora Delkiza Cavalcante (PSDC) foi a proponente da referida sessão e obteve aprovação unânime em plenário para a sua realização.



VIEW POST

View more
Assu

Audiência pública é realizada em parceria dos mandatos da deputada Cristiane Dantas e da vereadora Delkiza Cavalcant

Por em 29 de outubro de 2017 às 13:35:01
 

Por iniciativa do mandato da vereadora Delkiza Cavalcante (PSDC), a mulher assuense vai ganhar um novo aliado em favor da defesa de seus direitos: a Frente Parlamentar em Defesa da Mulher, que será lançada nesta segunda-feira (30), às 09h, no plenário João Marcolino de Vasconcelos, da Câmara Municipal do Assú.

O lançamento ocorrerá dentro de uma parceria com a deputada estadual Cristiane Dantas (PCdoB), presidente da Frente Estadual da Mulher, que propôs para o momento a realização de uma audiência pública com o tema “Frente Parlamentar da Mulher e o Combate à Violência Doméstica”.

Para a deputada, o debate se faz necessário, pois o município apresenta índice preocupante no que se refere à violência doméstica contra a mulher.  “A violência contra a mulher deve sempre estar em pauta, porque acontece todos os dias. A violência doméstica é apenas a ponta de um iceberg que começa com agressões morais e psicológicas”, disse Cristiane Dantas.

A Frente terá como objetivo fortalecer a luta pelos direitos da mulher através da união de esforços de órgãos públicos, entidades e movimentos sociais para a execução de políticas públicas que tenha a mulher como principal beneficiada.

“A Frente Parlamentar é um instrumento de base política e social necessário para tratar do aprofundamento de discussões e ações junto a vários órgãos e segmentos, atendendo os anseios das mulheres assuenses que enfrentam problemas sociais como a violência, a falta de oportunidade e o retrocesso de direitos”, defende Delkiza.

A audiência pública, com transmissão da TV Assembleia, tem como público alvo a população em geral e profissionais das áreas jurídicas, de segurança pública, de saúde, de assistência social e rede de ensino que atuam no município.

Com informações AD Comunicação Integrada