Política

Márcia destaca resultado de reunião com governador em exercício

Por em 19 de novembro de 2015 às 16:01:06

Deputada solicitou a Ezequiel Ferreira regulamentação do Projeto Bolsa Atleta

A deputada Márcia Maia (PSB) destacou nesta quinta-feira (19), em sessão ordinária na Assembleia Legislativa, o resultado de sua reunião com o governador em exercício, Ezequiel Ferreira (PMDB), na última terça-feira. A parlamentar procurou o chefe do Executivo para solicitar a regulamentação do Projeto Bolsa Atleta, de sua autoria.

“Dentre outros assuntos, tratamos sobre o Bolsa Atleta. O governador em exercício, Ezequiel Ferreira, foi bastante sensível e se comprometeu em constituir uma comissão, envolvendo a Secretaria Estadual de Esporte, para estudar a regulamentação desse projeto, para que ele possa funcionar a partir do ano que vem”, disse Márcia.

A deputada explicou que o projeto de lei que institui o Bolsa Atleta foi sancionado pelo governador Robinson Faria (PSD) em junho deste ano, mas que ainda aguarda regulamentação.

Márcia lembrou a audiência pública que promoveu no final de agosto para cobrar a regulamentação da lei.

“Estamos tomando todas as providencias para que o projeto vire realidade, mas o detalhamento da lei compete ao Executivo. Não basta sancionar, tem que regulamentar e fazer funcionar”, declarou.

A deputada ressaltou a importância do projeto para o desporto potiguar e disse que estuda alternativas para assegurar recursos para que o projeto passe a vigorar a partir do próximo ano.

“Que essa lei seja posta em prática e possa transformar a vida de tantos atletas potiguares”, comentou a parlamentar reforçando ainda necessidade de investimento em políticas públicas.

Durante o pronunciamento, Márcia Maia também cobrou a execução da Emenda Constitucional que dispõe sobre a Escola em Tempo Integral na rede de ensino, como forma de resgatar a qualificação do processo educacional, promulgada na última semana pela Assembleia Legislativa.

“A proposta é pela implantação gradual do projeto, para que se tenha uma experiência e se possa avaliar esse projeto que já é realidade em outros estados brasileiros”, concluiu.

Com informações da ALRN

Imprimir
TAGS

DEIXE UM COMENTÁRIO

9 + dezenove =