Categoria Navegação

Estado


VIEW POST

View more
Estado

Saúde, educação e segurança pautam horário dos Deputados na Assembleia Legislativa

Por em 9 de junho de 2021 às 14:34:09

O horário dos deputados da sessão ordinária desta quarta-feira (09) da Assembleia Legislativa foi marcado por uma pauta plural que passou pela possível prorrogação da Campanha de Vacinação da H1N1, instalação de unidades do Centro de Educação Profissional no município de Areia Branca e São José de Campestre e o mês de conscientização da esclerodermia.

O primeiro deputado a usar o horário foi Vivaldo Costa (PSD) que mostrou preocupação com a baixa procura da população pela vacina contra a H1N1. O deputado, que também é médico disse que a vacina é tão importante quanto a contra a Covid-19.

“Esse é o período do ano onde aumentam as infecções pulmonares e a vacina da gripe minimiza essas enfermidades. Para se ter uma ideia, cerca de 80% das pessoas que deveria se vacinar, não tomaram a vacina”, preocupou-se.

O deputado sugeriu às autoridades que a campanha de vacinação contra a H1N1 seja prorrogada em todo Brasil. Mais de 1,3 milhão de pessoas ainda falta vacinar. Acho que se houver empenho das secretarias de saúde estadual e municipal, além dos órgãos públicos, poderemos atingir a meta de vacinação”, sugeriu.

Vivaldo disse também que irá propor uma audiência pública na Assembleia Legislativa para discutir o uso medicinal da Cannabis.

“O Rio Grande do Norte tem um estudioso do assunto, o neurocientista Sidarta Ribeiro e ele diz que a maconha medicinal já está legalizada para os ricos mas não está disponível para a classe média. Essa será uma oportunidade de uma reunião ampla para discutir esse tema que salva vidas”, disse Vivaldo.

Na sequência, o deputado Souza (PSB) informou que apresentou requerimento na Assembleia Legislativa, direcionado ao Governo do Estado, solicitando a instalação de um Centro de Educação Profissional nos municípios de Areia Branca – Região salineira e outro em São José de Campestre, na região do Trairi.

“É um plano do Governo aumentar o número de unidades e nada mais justo que beneficiar esses municípios, que são cidades turísticas. Nós entendemos que a capacitação profissional é fundamental para a retomada da economia, geração de emprego, renda, principalmente para os jovens e os Centros de Educação Profissional pode ser essa ferramenta de transformação”, disse.

Souza cobrou do Governo do Estado um programa de educação profissional que possibilite aos jovens, a inserção no mercado de trabalho. “Essa é a forma ideal de fomentar a economia do nosso Estado, principalmente nesse momento de retomada”, concluiu.

Já o deputado Coronel Azevedo (PSC) usou o horário para repudiar a ação de um ex-vereador de Natal, que - segundo ele - fez insultos aos operadores da segurança do RN.

“Quero registrar o meu repúdio a essa pessoa e reforçar o meu respeito, a minha admiração e a minha dedicação aos operadores da segurança deste Estado, que têm sido guerreiros e heróis no combate ao crime”, disse.

O parlamentar disse ainda que “queriam o PT no Governo, mas o Brasil não quis. Por isso a revolta de tanta gente com esses que arriscam suas vidas diariamente para que nossas famílias estejam em segurança”, finalizou.

A deputada Cristiane Dantas (SDD) encerrou os pronunciamentos informando que apresentou projeto de lei na Assembleia que trata sobre o mês de conscientização da esclerodermia.

Doença que se caracteriza por fibrose (endurecimento) da pele e dos órgãos internos, comprometimento dos pequenos vasos sanguíneos e formação de anticorpos contra estruturas do próprio organismo (auto-anticorpos).

“Eles têm como símbolo o girassol. Esses pacientes buscam o sol e o calor para o seu maior conforto. Aqui em Natal existe o @esclerodermiarn que é uma ONG que cuida dessas pessoas e busca os direitos delas”, disse.

A deputada destacou que essa ainda é uma doença desconhecida e por isso seus portadores sofrem com a discriminação e o preconceito. “Vamos somar a essa luta e divulgar os sintomas, as causas e principalmente o quanto essas pessoas sofrem com essa doença. Assim, pretendemos buscar a implementação de políticas públicas voltadas para os direitos desse grupo de pessoas”, ressaltou.



VIEW POST

View more
Estado

RN deve receber mais de R$ 26 milhões para investimentos em segurança pública

Por em 8 de junho de 2021 às 08:45:25

O Rio Grande do Norte -- mais os estados do Ceará, Pernambuco e Maranhão -- foram selecionados para o repasse de recursos do Ministério da Justiça e Segurança Pública. Ao todo, foram desbloqueados R$ 103.027.454,00 para aplicação imediata em políticas públicas na área de segurança nos quatro estados.

Ao RN estão destinados R$ 26.360,953,00. O Ceará deve receber R$ 24.601,542,00;  Pernambuco, R$ 32.854,915,00; e Maranhão, R$ 29.210,044,00.

Os valores são oriundos do Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP), e são referentes aos eixos de Enfrentamento à Criminalidade Violenta e Valorização dos Profissionais de Segurança Pública. 

“Esses recursos são de fundamental importância para modernizar as corporações e capacitar os agentes”, destaca o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.

O repasse do recurso é efetivado a partir de critérios que deverão ser cumpridos pelos estados e pelo Distrito Federal, como por exemplo, ter dados integrados ao Sinesp, plano de carreira de servidores, possuir Fundo e Conselho estaduais instituídos e em funcionamento, além de garantir que somente até 3% do efetivo atue fora de suas respectivas corporações. 

Os desbloqueios aconteceram após análise e aprovação dos Planos de Aplicação entregues pelos entes federados.

Neste ano, o MJSP está trabalhando em conjunto com os secretários de Segurança Pública na atualização dos eixos de financiamento e critérios de rateio dos recursos do FNSP. Todas as ações fazem parte das estratégias de fortalecimento do Sistema Único de Segurança Pública (Susp).

"Estamos diante, mais uma vez, de recursos de suma importância para que o Governo do Rio Grande do Norte, na gestão da professora Fátima Bezerra, continue a realizar investimentos e desenvolver ações que valorizam os profissionais das forças de segurança pública e que, certamente, vêm proporcionando resultados positivos no combate à criminalidade e redução da violência", destacou o secretário da Segurança Pública e da Defesa Social do RN, coronel Francisco Araújo Silva.



VIEW POST

View more
Estado

Inscrições para o concurso do Itep/RN encerram na próxima segunda-feira (7)

Por em 1 de junho de 2021 às 16:01:21

As inscrições para o concurso público do Itep/RN (Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte) terminam na próxima segunda-feira, dia 7 de junho.

Ao todo estão disponíveis 276 vagas, incluindo 16 destinadas às PcD (Pessoas com Deficiência), entre os níveis Médio e Superior, com oportunidades de atuação em quatro municípios onde há unidades do órgão, como Natal, Mossoró, Caicó e Pau dos Ferros. As remunerações partem dos R$ 2.807,36 e podem chegar até R$ 7.440.

Os requisitos e atribuições dos cargos de Nível Superior vale para bacharéis, tecnólogos e licenciados nas respectivas áreas.

As vagas podem ser concorridas por profissionais de diversas áreas, tanto das ciências biológicas e da saúde, como das humanas e exatas, incluindo graduados em medicina, medicina veterinária, odontologia, biologia e biomedicina, meio ambiente, engenharia, arquitetura, física, análise sistemas, química, administração, contabilidade, economia, computação, farmácia, serviço social, biblioteconomia, psicologia, direito, entre outros. Todos os requisitos podem ser conferidos no 1º Termo de Retificação do Edital de Abertura.

Também vale destacar que, requisitos como a CNH categoria B para os cargos de Nível Médio, por exemplo, são exigidos somente no momento da posse do cargo e não impossibilita a inscrição. Até o final do certame, os candidatos podem se organizar para conquistarem as devidas certificações.

Os cargos são: Perito Criminal (área geral e específica), Perito Médico Legista, Perito Médico Legista na área de Psiquiatria, Perito Odontolegista, Assistente Técnico Forense, Agente Técnico Forense e Agente de Necropsia, sendo os dois últimos destinados aos profissionais de nível Médio.

As provas objetivas e discursivas estão previstas para o dia 25 de julho do corrente ano, e deverão ser aplicadas em Natal, com possibilidade de serem aplicadas, também, em cidades vizinhas, caso o número de inscritos exceda a capacidade de alocação do município.

As inscrições devem ser realizadas pelo site do Instituto AOCP, instituição organizadora do certame, pelo endereço eletrônico: www.institutoaocp.org.br.

Para os cargos de Nível Médio, a taxa de inscrição é R$ 90; Assistente Técnico Forense, R$ 110, e os demais cargos de Nível Superior, R$ 130.


Publicidade